@PatuemFoco

terça-feira, 19 de novembro de 2019

Mãe de Gabriel Veron diz que sonho do craque é jogar no Real Madrid

Via APODI AGORA
FOTO: Arquivo da Família
Graciele Fonseca e Gabriel Veron com a bola de ouro, prêmio para o melhor jogador do mundial sub-17

Não ter palavras para descrever a sensação de ter o filho eleito o melhor jogador da Copa do Mundo Sub-17, foi a reação de Graciele Fonseca, mãe do craque potiguar Gabriel Veron, de 17 anos. Em entrevista exclusiva ao Agora RN, ela ainda destacou que a realização do sonho de ver o filho campeão, deixando uma pequena cidade do interior do Rio Grande do Norte para conquistar um título tão importante, é algo ainda mais surpreendente.

Neste último domingo, 17, a Seleção Brasileira Sub-17 sagrou-se campeã do mundo ao vencer o México por 2 a 1, de virada. Além do título, Gabriel Veron ainda foi escolhido o melhor jogador da competição. “Eu fico sem palavras. Ninguém acredita que um menino que saiu do interior fosse alcançar o que ele alcançou. É incrível”, comemorou.

Veron nasceu em Assu, município com pouco mais de 58 mil habitantes, na região Oeste potiguar. De lá saiu muito pequeno, com apenas 13 anos. Segundo Graciele, a saudade de Gabriel é grande, mas o desejo de vê-lo realizar seus sonhos, como o de se tornar um jogador profissional, faz ela suportar a ausência do filho.

A mãe conta que uma das inspirações do garoto foi um pedido que o avô dele fez antes de falecer: “Que ele nunca desistisse de ser jogador de futebol”, revelou.

Sua falta dentro de casa é por um bom motivo. Graciele explica que o filho é quem sustenta a casa, onde moram ela e duas irmãs do jogador. O pai não mora mais com eles.

“É o Veron quem paga tudo. Todas as contas daqui de casa é com ele”, relatou.

Gabriel Veron em seu batizado, nos braços da sua mãe

A CARREIRA

Mesmo sendo potiguar, a carreira de Gabriel Veron foi curta no estado. A joia, hoje no Palmeiras, chegou a fazer testes no América de Natal, mas, pela sua pouca idade e não ter lugar para se alojar próximo ao clube, teve que desistir de jogar pelo alvirrubro.

Após uma peneira feita no município de Ipanguaçu, também no Oeste potiguar, a aproximadamente 15 km de distância de Assu, Gabriel foi chamado para ser atleta do Santa Cruz de Natal, mas não durou muito. Após ser levado para realizar um teste no time paulista, logo no terceiro dia, já foi convidado para se juntar ao clube.

SONHO

Apesar de seu nome ser em homenagem ao jogador argentino Juan Sebastián Verón, atleta com passagens por Manchester United – ING, Chelsea – ING, Internazionale – ITA e River Plate – ARG, Gabriel se espelha em outro craque, o português cinco vezes melhor do mundo, Cristiano Ronaldo, atacante da Juventus-ITA.

Ainda de acordo com Graciele, o filho pretende seguir os passos de Cristiano, e sonha com uma futura ida para o Real Madrid. “Ele é fã do Cristiano Ronaldo. Seu sonho é jogar no Real Madrid”, disse.

Ainda no time de base do Palmeiras, onde tem contrato até 23 de outubro de 2021, muito já se fala no acesso do garoto ao time profissional, inclusive pelo técnico Mano Menezes. A multa de Gabriel está avaliada em cerca de 60 milhões de euros (R$ 276 milhões).

Fonte: Agora RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO !!!

Prezado Amigo Web-Leitor, não publicarei comentários anônimos e, também, não aceito nenhum tipo de ofensas morais que possam vir a denigrir a imagem de alguém e não me responsabilizo por comentários que alguém possa vir fazer.
Pois, antes de fazer o seu comentário, se identifique e se responsabilize.

Desde já fico grato !!!

Cordiais saudações,

CLAUDISMAR DANTAS -
(Editor - Blog PATU EM FOCO).