@PatuemFoco

domingo, 23 de julho de 2017

Corpos de dois homens são encontrados amarrados sobre reboque na zona rural de Jandaíra


O carro, um Polo de cor preta, foi encontrado na zona rural do município: G1/RN (Foto: Eurípedes Dias)


Corpos de dois homens, com marcas de tiros, foram encontrados na manhã deste sábado (22) amarrados sobre um reboque engatado a um carro abandonado na zona rural do município de Jandaíra, na região da Baixa Verde, a aproximadamente 115 quilômetros de Natal.

O carro é um Polo preto, que foi deixado em uma estrada de terra nas proximidades da fazenda de um ex-prefeito do município, em uma região conhecida como Aroeira. Já o reboque, que tem as laterais fechadas com madeira e abertas no alto com grades de ferro, é daqueles usados para o transporte de animais de grande porte, principalmente cavalos.

Na carroceria do reboque, os corpos estavam de pé, presos pelo pescoço às grades e com as mãos atadas nas costas. Há várias marcas de tiros nas duas vítimas.

Segundo o sargento Francisco Canindé da Silva, responsável pelo policiamento militar em Jandaíra, as vítimas ainda não foram identificadas, mas moradores da região disseram que ambos são suspeitos de roubo de animais.

Veja também:

Casal é morto a tiros e corpos são incendiados dentro de casa na praia de Muriu



Um homem e uma mulher foram mortos a tiros na Praia de Muriu, que fica na cidade de Ceará-Mirim, na Grande Natal, Litoral Norte do estado. O crime aconteceu na noite desta sábado (22) e as vítimas tiveram os corpos queimados pelos assassinos.

O casal foi identificado pela Polícia Militar como sendo Erivan Pereira da Silva, de 22 anos de idade, e Rita Lanca Cruz de Oliveira, de 19.

O capitão Trindade, que comanda as ações da PM na região, informou que o duplo homicídio aconteceu no final da noite. O casal estava em uma residência na localidade conhecida como Comunidade do Ovo, na Rua da Lagoa, no momento em que chegaram os suspeitos.

Segundo o capitão, eram cinco homens, que foram até o local em um carro. “Eles chegaram gritando o nome de uma facção criminosa”, afirma o oficial.

Os criminosos invadiram o imóvel, atiraram contra os dois e atearam fogo nos corpos. Em seguida a quadrilha fugiu e não foi mais vista. A polícia ainda realizou um patrulhamento na região, na tentativa de encontrar os responsáveis pelo crime, no entanto ninguém foi preso.

Via Blog do JBelmont

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO !!!

Prezado Amigo Web-Leitor, não publicarei comentários anônimos e, também, não aceito nenhum tipo de ofensas morais que possam vir a denigrir a imagem de alguém e não me responsabilizo por comentários que alguém possa vir fazer.
Pois, antes de fazer o seu comentário, se identifique e se responsabilize.

Desde já fico grato !!!

Cordiais saudações,

CLAUDISMAR DANTAS -
(Editor - Blog PATU EM FOCO).